Um jornada guiada pelo propósito - Turma 9 Business Design for Change


O que leva pessoas buscarem novos caminhos? Esse novo caminho existe?

Nesse mês aconteceu o encerramento da 9ª turma do Business Design for Change, uma formação que acontece desde o início do Sense-Lab, que aborda de forma conjunta experiências sobre Inovação Social, com a temática de Negócios de Impacto. Sempre dizemos que a experiência vai além de um curso com ferramentas, porque acreditamos que existe algo tão importante quanto, que são as trocas de experiência entre todos os participantes e a criação de um vínculo entre pessoas alinhadas por uma grande vontade de se colocar em movimento para uma vida com mais significado, com mais questionamento, que se propõem a sentir e enxergar que estamos vivendo uma época de enormes desafios coletivos, ao mesmo tempo que também é uma época de mudança exponencial.

Muito além de ser um momento no qual compartilhamos com cada um que esteve presente um pouco do nosso conhecimento, é momento também de receber e aprender, de sentir que não estamos sozinhos, que existem mais pessoas questionando e se abrindo, mesmo com medo, para tentar fazer diferente. Agradecemos a cada uma das pessoas participantes, a dedicação durante mais de 3 semanas, com quase 60 horas de entrega, para colocar sua energia e vontade de mudar no mundo.

Concluímos essa nova turma do BDC com vínculos cada vez mais fortes com o Projeto Viela, que tem se dedicado a nossa troca e parceria desde a primeira vez que experimentamos essa vivência. Foi gratificante para e refletir a quantidade de coisas que mudaram e se fortaleceram nesses últimos anos.

No fundo, é uma construção de relações humanas, de pessoas com experiências de vida diferentes, que quando são colocadas frente a um desafio que envolve o bem estar de outras pessoas, se mostram pessoas muito fortes e ao mesmo tempo vulneráveis, que tem muito valor pelo mundo e pelos outros e que fazem a gente sentir que é este o caminho.

Esperamos as próximas pessoas dispostas a se abrir, conhecer o novo e trocar experiências. Estamos de braços e casa aberta para cada pessoa, que de alguma forma tem buscado um caminho de olhar para si, enquanto olha para o mundo, e que reconhece que estamos interconectados e somos interdependentes, e a medida que vamos mudando como pessoas, o mundo muda ao nosso redor.



55 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo